REPORTAGEM EXCLUSIVA

Recurso suspende abertura de envelopes da licitação do esgoto de Ingleses

Empresa vencedora seria conhecida no dia 3 de outubro na sede da Casan

COMPARTILHE ›

saneamento-basico-bandeira

Foto: Projeto da Estação de Tratamento / Reprodução
Foto: Projeto da Estação de Tratamento / Reprodução

Uma das empresas concorrentes da licitação internacional do esgoto de Ingleses entrou com um recurso e suspendeu a abertura dos envelopes da tomada de preço. Isso estava previsto para o dia 3 de outubro, porém não ocorreu. O investimento é de R$ 89 milhões que serão financiados pela Agência Japonesa de Cooperação (Jica).

A Casan informou que o recurso faz parte do processo licitatório e que a empresa espera fazer isso, o quanto antes, respeitando os prazos previstos em lei. Ainda não há nova data para a abertura dos envelopes.

No mês passado, o Jornal Conexão Comunidade noticiou que foram habilitados os consórcios LFM-Cesbe, AGC-Ingleses, GEL-Telar, KMG-CTL-Melhor Forma e a Construtora Elevação. Outros quatro concorrentes foram desclassificados por não apresentar a experiência solicitada pelo projeto encabeçado pela Casan e pelos japoneses que vão financiar toda a obra. Ao todo, foram nove propostas recebidas.

SISTEMA DE ESGOTO

O projeto foi lançado há 1 ano e 3 meses ao valor de R$ 64,4 milhões. O objetivo é ampliar a rede em 59 quilômetros, chegando a 4,7 mil residências. Hoje, a rede de coleta pública de efluentes que está presente em somente 1/3 do balneário. A obra contempla também nove estações elevatórias e 7 quilômetros de linhas de recalque (canos que transportam o esgoto bombeado pelas elevatórias até a estação de tratamento). O prazo de execução é de 30 meses, com diminuição nas atividades durante a temporada de verão.