REPORTAGEM EXCLUSIVA

Exames do Detran para carteira de motorista são suspensos no Norte da Ilha

Alunos precisam se deslocar até o bairro Estreito para fazer as mesmas provas que, antes, eram aplicadas em Canasvieiras

COMPARTILHE ›

Atualizado às 10h45

Este slideshow necessita de JavaScript.

Os exames do Detran para a aprovação da carteira de motorista foram suspensos no Norte da Ilha com o fim do convênio mantido pelo departamento com o Sapiens Parque em Canasvieiras, onde eram feitas as provas práticas. Com o problema, todas as autoescolas do Norte da Ilha em Florianópolis estão encaminhando os alunos para as provas no Estreito. O Jornal Conexão apurou que o convênio chegou a ser prorrogado informalmente, mas que o Sapiens enviou ao Detran um pedido para que a área fosse liberada.

As provas estão suspensas há um mês na região. Alunos denunciam falta de instrutores para atender toda a demanda de alunos da cidade. “Alegaram que o Detran não tinha instrutor. Depois, ficamos sabendo, junto a autoescola, que o Sapiens Parque negou emprestar o pátio para o Detran. Aí transferiram as provas para o Estreito. Chegando lá, também não tem instrutor para dar prova. Os que estão lá, eles já tem uma agenda. Fui pra lá fazer prova. Cheguei às 12h30 e ficamos aguardando até 16h15, até que as escolas já agendadas do centro e do Estreito terminassem. Eram mais de 50 pessoas para dois instrutores”, disse Adriana Morais, uma das alunas.

O convênio entre as partes tentou ser renovado, porém não houve um acordo entre o Detran e o Sapiens. Consequentemente, os exames feitos na região há quatro anos foram suspensos e todo contingente de alunos precisa se deslocar 35 quilômetros até o Detran no bairro Estreito.

O departamento confirma o problema. O Jornal Conexão Comunidade entrou em contato com a gerência de habilitações do Detran que afirmou que o convênio venceu e não há previsão para restabelecer. As provas acontecem hoje na parte onde eram as vistorias e que o departamento está com o mesmo número de examinadores que sempre teve. Tentamos contato até o fechamento da reportagem com Vanderlei Rosso, diretor do Detran de Santa Catarina, mas ele está em reunião.

Os alunos reclamam também do descaso dos examinadores que chegam de mau humor, maltratando alunos e instrutores das escolas. Adriana falou que o problema é recorrente e que os que estão nervosos por causa da prova, ficam mais nervosos.

A solicitação para que as provas práticas acontecessem na região ocorreu em 2013 pela Associação Comercial e Industrial de Florianópolis (Acif), com o então diretor Francisco Nagel de Campos, e autoescolas da região. A solicitação teve, na época, apoio da Associação dos Moradores de Canasvieiras (Amocan) que cedeu o espaço da sede para alunos e o Detran.

O Jornal Conexão Comunidade também procurou o Sapiens Parque que se manifestou por nota, dizendo que há mais de dois anos solicita que entidade de governo ou da sociedade civil assuma o papel de firmar termo de cooperação, ficando com a responsabilidade sobre a gestão dessa atividade. O texto ainda diz que o Sapiens Parque deseja a continuidade da parceria, mas não pode assumir a responsabilidade sobre a segurança e outros aspectos técnicos dessas operações, já que não se trata de sua atividade fim.

HÁ QUARTO ANOS NO JORNAL CONEXÃO…Exames do Detran para carteira de motorista são suspensos no Norte da Ilha