AÇÃO SOCIAL

Evento no Norte da Ilha vai ajudar família atropelada por camaro no dia 1º de janeiro

'Encontrão Solidário' vai ocorrer no dia 23 de setembro, a partir das 10h, no Bar e Moto na SC-401

COMPARTILHE ›

Este slideshow necessita de JavaScript.

Um evento beneficente aberto ao público vai recolher fundos para ajudar na recuperação da família de Nilandres Lodi, o preto, que foi atropelado por um camaro preto na madrugada do primeiro dia de 2017 em Ingleses. O ‘Encontrão Solidário’ vai ocorrer no dia 23 de setembro (sábado), a partir das 10h no Bar e Moto na SC-401. A vítima do acidente vai comparecer ao local, acompanhada dos demais familiares.

Segundo os organizadores, o evento terá uma entrada ao valor simbólico de R$ 10 reais, e será cobrado tudo o que for consumido. Como é beneficente, foram conseguidos valores bem baixos, justamente para atrair o público para ajudar.

Sete bandas vão se apresentar no evento que terá almoço, lanches, bebidas, além de um encontro de motoclubes de Santa Catarina e do Estado de São Paulo.

O valor arrecadado será repassado para que seja utilizado no tratamento de recuperação de Nilandres, que teve as duas pernas amputadas no acidente, além de um dos filhos que necessita atenção especial.evento-camaro-cartazACIDENTE

Nilandres, a esposa Cristiane Flores Gonçalves, 31, e um amigo do casal, chegavam em casa após a festa de ano novo. Eles moravam em uma casa em cima da RMS som automotivo, na SC-403. Enquanto tiravam as coisas que levaram para a virada de dentro de um carro, o motorista de um camaro com placas de Sapiranga, no Rio Grande do Sul, invadiu a calçada em alta velocidade e atingiu os três. Cristiane morreu na hora. Nilandres foi levado ao hospital, onde teve as duas pernas amputadas.

O motorista do camaro ficou foragido por vários meses, até que uma decisão em maio revogou a prisão dele, ordenando o pagamento de uma indenização de R$ 70 mil e o cumprimento de medidas cautelares.