ESTAÇÃO VERÃO

Casan vai usar gerador para evitar derramamento de esgoto no Rio do Brás

Para evitar furtos, como o que ocorreu no ano passado, foi instalada uma cerca elétrica e câmeras de monitoramento

COMPARTILHE ›

estacao-verao-banner-topo-materias-site

Foto: Casan / Divulgação
Foto: Casan / Divulgação

O furto de cabos e baterias de um gerador, causou o caos na temporada passada em Canasvieiras. Sem luz, a elevatória de esgoto ao lado do Rio do Brás extravasou esgoto no rio. A Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan) previu todos os cenários que deram problema e efetivou uma nova ligação de energia na elevatória, para dar mais confiabilidade ao sistema. Para evitar furtos, como o que ocorreu, foi instalada uma cerca elétrica e câmeras de monitoramento. O gerador, alvo da polêmica, será novamente utilizado neste ano.

Se no passado o maior desafio da Casan era não deixar faltar água, a preocupação da companhia aumentou para atender bem moradores e turistas na temporada de verão 2016/2017, quanto ao saneamento. Os investimentos são de R$ 15 milhões em ações. A obra mais cara é a construção de uma estação de tratamento em Canasvieiras ao valor de R$ 8 milhões que será colocada em operação até dezembro.

Na sexta-feira (04), a Casan efetivou o lacre de 60 pontos onde foram encontradas irregularidades nas ruas de Canasvieiras, principalmente nas proximidades do Rio do Brás., após a inspeção com fumaça. A ação incluiu obras para desmanchar ligações clandestinas entre os sistema de drenagem pluvial e a rede de esgoto, segundo Lucas Barros, superintendente da Casan.

Para este verão, ônibus de turismo e motorhomes que faziam o descarte do esgoto dos banheiros em terrenos ou na rede pluvial, serão orientados a descarregar em pontos de recebimento. No Norte da Ilha serão oito espaços destinados a receber o resíduo. Todas as ações, o que inclui a limpeza do Rio do Brás, serão explicadas nesta segunda-feira (07) em uma audiência pública a partir das 19h em um hotel do bairro.

ABASTECIMENTO DE ÁGUA

Foto: Jeferson Baldo / Secom
Foto: Jeferson Baldo / Secom

A principal ação para 2017 será a ampliação do abastecimento de água em 15% com mais força de bombeamento. “Estamos aumentando o bombeamento que sai de Ingleses (dos poços de captação). O que conseguimos colocar de água no ano passado, vamos aumentar 15% neste ano”, disse Lucas Barros, superintendente da Casan.

Para o Norte da Ilha, o sistema foi automatizado para que os técnicos visualizem, através do computador, o nível dos reservatórios e a força do bombeamento. O desafio mais pontual é no dia 31 de dezembro, quando a demanda pelo abastecimento é grande. “Estamos mantendo para o abastecimento os geradores, o próprio caminhão pipa, que é uma medida de emergência, vamos permanecer e vamos reforçar as equipes para dar uma rápida resposta em caso de necessidade”, disse Lucas.

CHUVEIROS NAS PRAIASchuveiro-praias-ingleses-casan-aguaO superintendente adiantou que houve uma tratativa para instalar chuveiros nas praias em pontos escolhidos pela Prefeitura de Florianópolis. Serão utilizadas ponteiras, mas após o réveillon a Casan disse que poderá ceder água potável. “A prioridade é o abastecimento humano”, disse.