'TODOS CONTRA A DENGUE'

Prefeitura treina exército para combater o mosquito da dengue em Florianópolis

Ainda não se tem certeza da ajuda das forças armadas nas visitas em casas, estabelecimentos e terrenos da capital

COMPARTILHE ›

A Prefeitura de Florianópolis treinou 120 soldados do exército brasileiro para o combate a dengue. Porém, ainda não se tem certeza da ajuda das forças armadas nas visitas em casas, estabelecimentos e terrenos da capital. Segundo o município, o Ministério da Defesa ainda não respondeu oficialmente ao pedido de ajuda. Por enquanto, o Exército trabalhará na varredura das próprias instalações.

OUTRAS NOTÍCIAS:
– Polícia resgata vítima de sequestro e apreende revólver no Norte da Ilha
– Rosemir precisa de patrocínio para ir ao campeonato mundial de Muay Thai

Nesta sexta-feira (05), 16 mil proprietários de terrenos baldios receberam notificações da Prefeitura para que façam a limpeza e regularização das áreas com potencial para abrigar criadouros do mosquito. Quem não regularizar a situação poderá ser multado.

A melhor forma de prevenir essas doenças é a eliminação do vetor, ou seja, eliminar o mosquito. Como não existem vacinas ou medicamentos que impeçam a contaminação, é necessário diminuir a quantidade de mosquitos que circulam nos ambientes. Para isso, é fundamental eliminar os criadouros do Aedes aegypti, que coloca seus ovos em recipientes com água parada. O cuidado para evitar a sua proliferação deve ser feito por todos.

Eliminar garrafas, sacos plásticos e pneus velhos que ficam expostos à chuva, além de tampar recipientes que acumulam água como caixas d’água e piscina, são fundamentais para esse controle.