ELEIÇÕES 2016

Maurício Leal visita o Jornal Conexão Comunidade e faz promessas ao Norte da Ilha

Candidato disse que vai juntar a educação, a cultura, o esporte e o lazer para melhorar a segurança

COMPARTILHE ›
Foto: Luzia Vidal / Jornal Conexão Comunidade
Foto: Luzia Vidal / Jornal Conexão Comunidade

O candidato Maurício Leal do PEN visitou o Jornal Conexão Comunidade para responder as perguntas sobre as principais demandas da região do Norte da Ilha.

JORNAL CONEXÃO: Como o senhor vai resolver o problema do esgoto aqui na nossa região?

MAURÍCIO: É estado de calamidade a situação que nós passamos, a questão de saneamento básico, uma cidade turística, que atrai muitas pessoas para a nossa cidade. O turista chega e encontra uma praia imprópria para banho, isso nos complica muito e nos envergonha. Eu particularmente tenho as minhas divergências com a Casan. A empresa terá que atuar de forma diferente na minha gestão, porque se não com certeza ela não atuará.

O Rio do Bráz e tudo isso que aconteceu. A gente tem que dragar, drenar e por que eles não querem investir em saneamento básico?

Por que o político não investe? Porque é uma obra que não aparece.
Nosso partido é o Partido Ecológico Nacional, é o partido da sustentabilidade e com certeza caro eleito, amigo e cidadão florianopolitano isso será um compromisso da nossa gestão que a gente vai tratar com muito carinho e respeito à você.
Nós vamos investir e muito nessa parte de saneamento básico, aparecendo ou não o que importa é o bem estar das pessoas, é a saúde é o turista vir aqui e se banhar numa praia sem poluição. Com certeza isso é nossa prioridade. A Casan será cobrada e vai ter que fazer acontecer.

Foto: Luzia Vidal / Jornal Conexão Comunidade
Foto: Luzia Vidal / Jornal Conexão Comunidade

JORNAL CONEXÃO: Segurança pública e dever do Estado. Mas como a prefeitura pode agir nesse tema para diminuir essa onda de furtos e roubos que vivemos?

MAURÍCIO: Esse é um dos grandes temas que a gente tem que atuar com uma conversa com a polícia militar de Santa Catarina, precisamos muito dos Consegs fortalecendo-os para que a gente possa estar atuando junto. A segurança é dever do estado, mas a gente pode tentar fazer diferente com mais rondas até com a guarda municipal nas proximidades dos prédios públicos como escolas, creches e postos de saúde e juntamente com a PM. Sabemos da dificuldade com a falta de efetivo da polícia militar mas é preciso cobrar. O Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) da PM também precisa ser levado para dentro de todas as escolas.

JORNAL CONEXÃO: Ingleses tem carência de áreas de lazer. Tínhamos a proposta de uma praça. É possível construir uma praça nessa região?

MAURÍCIO: Eu creio que a gente precisa juntar a educação, a cultura e o esporte e o lazer, esses aspectos podem ajudar na segurança. Eu vejo que temos que investir em área de lazer e os projetos para que a comunidade possa aproveitar. Se a gente investir melhor o dinheiro público vamos dar mais lazer e mais prazer de viver para as pessoas.
Quero ser o prefeito do seu bairro, da sua comunidade.

JORNAL CONEXÃO: Como será a ocupação dos cargos no seu governo?

MAURÍCIO: Na verdade eu acredito que tem que ser um governo de técnicos, pessoas capacitadas para poder atuar e fazer uma Florianópolis cada vez melhor. Nós trazemos propostas novas, que se referem cortes dos cargos comissionados, o que vai gerar uma economia ao município.Vergonhosamente a prefeitura da capital do estado não tem uma sede própria, queremos construir a sede que tenha sustentabilidade.