REENCONTRO

Mãe sumida há 36 anos é reencontrada em três horas pelo SOS Desaparecidos

Dúvida sobre o que tinha acontecido com a mãe não tirou as esperanças da filha Beatriz

COMPARTILHE ›
SÔNIA FOI REENCONTRADA PELO SOS DESAPARECIDOS. | Foto: Divulgação
SÔNIA FOI REENCONTRADA PELO SOS DESAPARECIDOS. | Foto: Divulgação

Beatriz Aparecida de Souza mora em Ingleses desde 2004. Foi criada pela avó e pelos tios. Quando pequena, a mãe dela sumiu de casa por enfrentar problemas com o pai, em uma cidade do interior do Paraná. Ao longo desses anos, a dúvida sobre o que tinha acontecido com a mãe não tirou as esperanças de Beatriz. Após o sumiço do menino Gabriel Cauê, na semana passada, procurou o SOS Desaparecidos que encontrou a mãe dela em apenas três horas.

“Em menos de três horas, acharam a minha mãe! Três horas! Foi assim, sensacional… Coisa que eu nunca tinha visto. Foram anos de procura. Mandei meu caso pro Ratinho, pro Caldeirão do Huck, já mandei pro Gugu e até hoje não deram resposta. Não sei se procuraram. Hoje ela mora no Rio Grande do Sul”, disse Beatriz.

O encontro com a mãe Sônia Aparecida de Souza ainda não ocorreu. Ambas se falaram por telefone, já que ela mora em Viamão, no Rio Grande do Sul. O encontro está marcado para daqui há 15 dias. Ambas já se conversaram por telefone, foi quando Beatriz descubriu que a família aumentou. Ganhou irmãos e sobrinhos.

“Tudo começou quando sumiram as crianças no colégio. Eu achei que ia dar certo e avisei o SOS desaparecidos. Me responderam com endereço e tudo”, contou Beatriz.