REPORTAGEM EXCLUSIVA

Faltam 148 caixas de inspeção na rede de esgoto do Norte da Ilha

Prefeitura diz que as ligações irregulares de esgoto são um dos fatores que causam poluição

COMPARTILHE ›

Dados da Secretaria Municipal de Saneamento e Habitação de Florianópolis apontam a falta de 148 caixas de inspeção na rede de esgoto do Norte da Ilha. Sem a caixa, casas ou comércios não podem conectar o esgoto na rede de coleta da Casan, o que pode gerar ligações irregulares junto a rede pluvial. As ligações irregulares são um dos fatores que causam poluição do mar e de rios na região.

OUTRAS NOTÍCIAS:
– Operação policial apreende submetralhadora na Vargem do Bom Jesus

– Silvio Souza: “Há quanto tempo você não faz abreugrafia?”
– Cartas foram abandonadas por empregado terceirizado, diz Correios
– Polícia já tem pistas dos suspeitos de matar ambulante no Norte da Ilha

O levantamento realizado pelo ‘Floripa se liga na rede’ apontou que na Praia dos Ingleses, que só tem 1/3 de rede de esgoto, faltam 16 caixas para a ligação. Os números aumentam ainda mais, já que em Ponta das Canas faltam 73. A Praia de Canasvieiras possui 100% de rede no bairro e, mesmo assim, estão faltando 32 caixas e na Cachoeira do Bom Jesus, 27 pontos estão pendentes. Cada caixa pode ligar apenas uma casa, prédio ou comércio.

Para a Casan, nos pontos onde ainda não existe caixa, os usuários estão irregulares. Existem duas explicações: a primeira é que são edificações novas, ainda sem matrícula, ou edificações sem matrícula junto a companhia e que possuem ‘gato’ ou ponteira para a captação de água, o que é considerado irregular pela companhia. Quem ainda estiver nesta situação, precisa procurar a Casan para regularizar a situação.

SABIA COMO A LIGAÇÃO DEVE SER FEITA
ligaçao-rede-esgoto-arte-casa-pluvial