ANTES DO ACIDENTE...

Consórcio Fênix diz que avisou sobre abrigos mal posicionados na SC-403

Coletivo atingiu a estrutura com a parte traseira, após desvio enquanto arrancava do ponto de parada na via marginal da rodovia

COMPARTILHE ›

O Consórcio Fênix afirmou ao Jornal Conexão Comunidade (JCC) que já havia avisado ao governo sobre o posicionamento errado dos pontos de ônibus que ficaram muito próximos a pista de rolamento da via marginal da SC-403. Na sexta-feira (27), um coletivo bateu com a parte traseira no teto do abrigo, quando desviou de um obstáculo na pista no momento em que arrancava após o embarque de passageiros. Ninguém ficou ferido.

Segundo Rodolfo Guidi, coordenador técnico do consórcio, em diversas situações as empresas de ônibus solicitaram à Secretaria de Mobilidade e à empreiteira que realizou a obra para que os abrigos fossem movidos para um local mais afastado da via, dando maior recuo e segurança para a operação de embarque e desembarque.

“Além desse abrigo, existem outros que estão mal posicionados ao longo do novo trecho duplicado e que insistimos na necessidade de transposição para áreas de maior segurança”, afirmou Guidi.

Há 20 dias, uma reportagem do Jornal Conexão Comunidade apontou que os recuos para ônibus e o acostamento são muito estreitos e parte dos veículos fica na pista. Na ocasião o engenheiro Ivan Amaral, fiscal do governo na obra, disse que o projeto segue padrões técnicos e que em muitas estradas esse espaço possui o mesmo tamanho.

O Governo do Estado planeja inaugurar a nova SC-403 em 18 de dezembro, sexta-feira. Nos últimos dias, as equipes se concentram na finalização da estrutura dos elevados da Vargem Grande e da Vargem do Bom Jesus, além da sinalização horizontal.

Reportagem realizada por sugestão do internauta Marcelo da Vargem Grande.
Participe pelo WhatsApp do JCC:

banner_whatsApp_jcc_jornal